DISQUE DENÚNCIA

92 98435-7108

25.3 C
Manaus
quinta-feira, janeiro 20, 2022

DISQUE DENÚNCIA

92 98435-7108

Sefaz divulga tabela para cálculo do IPVA 2022; confira

A Secretaria de Estado de Fazenda do Amazonas (Sefaz-AM) publicou neste mês de dezembro a resolução 0029/2021, que institui a tabela de vencimento das placas e a base de cálculo para o pagamento do imposto. O tributo pode ser recolhido em até três parcelas ou em cota única. As guias para pagamento do imposto serão disponibilizadas a partir do dia 3 de janeiro no site da Sefaz.

A partir de agora, 700 mil proprietários de veículos automotores do Amazonas já podem fazer o seu planejamento para o pagamento do IPVA em 2022.

- Anúncio -

Os contribuintes que anteciparem o pagamento terão direito a descontos que variam de 5 a 10% sobre o valor principal. Terão 10% de desconto os proprietários de veículos com placas com final 1 que recolham o imposto em cota única ou paguem a primeira parcela até o dia 31 de janeiro. Se pagarem em cota única ou liquidarem a segunda parcela até 28 de fevereiro, disporão de 5% de desconto. Se efetivarem o recolhimento até a data limite, 31 de março, pagarão o valor integral.

Leia mais:

ALE-AM mantém veto a favor da apreensão de veículos por dívidas de IPVA

Aleam aprova medida que proíbe apreensão de veículos por dívidas do IPVA

 

Aas placas com final 2 tem até prazo final de pagamento do imposto até abril, as de final de 3 até maio, as de final 4 até junho, e assim sucessivamente, sempre se somando dois ao número de final da placa para se saber o último mês possível para o pagamento do imposto (no caso das placas de final 0, considerar o número 10).

Quanto ao imposto por antecipação de pagamento, a mesma regra vale para o exemplo citado acima, quando exemplificado o caso da placa de veículo com terminação 1. Se a terminação de placa do contribuinte for 8, por exemplo, ele pode começar a pagar o IPVA no mês de agosto, com desconto na primeira e segunda parcelas (10% e 5%, respectivamente), com pagamento integral na terceira parcela.

No site da Sefaz, o contribuinte pode regularizar o imposto a partir de dia 3 de janeiro, clicando em IPVA – Lançamento e Impressão (aba Busca Rápida) para emitir sua guia de pagamento.

Benefício

O percentual de desconto pode chegar a 30% se o proprietário, além de pagar o imposto antecipado integralmente, também entrar com o pedido de benefício baseado na Lei do Bom Condutor.

Desde 2014, de acordo com a lei estadual 203/2014, o condutor que não tiver infração de trânsito faz jus à redução no valor do IPVA. Quem não cometeu infração no ano passado, tem direito a 10% de desconto. Quem não teve multa em 2020 e 2021, 15% e quem foi regular nos últimos três anos, 20%.

A solicitação do desconto do Bom Condutor deve ser feita até 30 (trinta) dias antes do vencimento do imposto, através de pedido no Protocolo Virtual disponível no site da Sefaz/AM.

Confira a resolução 0029/2021 e a tabela de pagamento do IPVA na íntegra:

https://online.sefaz.am.gov.br/silt/Normas/Legisla%C3%A7%C3%A3o%20Estadual/Resolu%C3%A7%C3%A3o%20GSEFAZ/Ano%202021/RG%20029_21.htm

Elevação de preços

De acordo com nota técnica publicada pela Sefaz-AM, o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) teve aumento médio de 22,49% em comparação com o valor do imposto no ano corrente.

O aumento ocorre devido à majoração do mercado automotivo no Brasil, que, com a pandemia, resultou na elevação dos preços tanto de veículos usados, como de veículos novos, como explica a chefe do Departamento de Arrecadação da Sefaz, Anny Karolinny Saraiva Coelho.

“Como em 2021, houve um desequilíbrio na cadeia de produção de veículos, a indústria automobilística sofreu com a falta de insumos e com a paralisação na produção dos veículos. Com isso, o estoque de carros novos zerou nas concessionárias e houve aumento na procura de carros usados e, consequentemente, uma valorização no valor de mercado dos carros, mesmo o estado não aumentando a alíquota do IPVA”, explicou.

O Amazonas tem alíquota de IPVA de 2% sobre o valor de mercado de veículo até 1000 cilindradas (carros, motos, caminhões) e 3% para veículos acima de 1000 cilindradas. Tal valor é calculado com base na Tabela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), principal aferidor de preços de veículos no país.

 

Via assessoria

 

Acompanhe nossas redes sociais

Instagram 

Facebook

Twitter 

Artigos Relacionados

Mantenha-se Conectado

1,298FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
39SeguidoresSeguir
165InscritosInscrever

Últimos Artigos